Gabriella Mendes
Assessora de Comunicação e Marketing
Estudante de Engenharia Ambiental e Sanitária

Publicado em 07/04/2021

Transformação e impacto realmente são elementos que acontecem apenas com grandes ações? Muitas vezes pensamos que sim, mas não é a realidade. O ato de impactar e transformar a vida de alguém está nas ações mais simples e humanas que podem ocorrer: é preciso apenas ser solidário e ter empatia.

O voluntariado é uma grande ferramenta para viver essa realidade, uma vez que é uma das iniciativas mais marcantes da idade contemporânea e promove grandes experiências pessoais e profissionais aos que o praticam. Através dele as pessoas contribuem com a transformação social e o bem-estar do próximo, desenvolvendo suas habilidades e, consequentemente, mudando as relações da sociedade.

No entanto, você já parou pra pensar que esse setor enfrenta alguns desafios e que é a partir deles que a sociedade é impactada positivamente? Hoje vamos falar sobre isso com você.

Mas primeiro vamos relembrar um pouco sobre o terceiro setor...

O Terceiro Setor contempla organizações privadas não governamentais, sem fins lucrativos e orientadas por valores, que desenvolvem atividades voluntárias em favor da sociedade. Os principais personagens do terceiro setor são: fundações, entidades sem fins lucrativos, empresas com responsabilidade social, entidades beneficentes, organizações não governamentais (ONGs), fundos comunitários, empresas doadoras, elite filantrópica e empresas juniores sociais.

As organizações do terceiro setor (OTS) conseguem alcançar seus objetivos através de atividades variadas, de acordo com as suas particularidades, e muitas delas, com as ONGs necessitam de ajuda constantemente. A atuação das OTS são muito positivas para a sociedade, visto que propicia uma sociedade civil ativa e participativa, que busca, em primeiro lugar, a consciência da responsabilidade social entre as pessoas.

Dessa forma, o voluntariado, uma das grandes formas de atuação desse setor, se mostra como grande oportunidade de transformação da sociedade e busca pela redução das desigualdades. Porém, você já deve imaginar que nesse meio muitos desafios são enfrentados, não é mesmo? Então, vamos falar desse fato agora. 

Quais os desafios do voluntariado e como causa impacto (positivo) na sociedade?

O primeiro desafio a ser enfrentado quando alguém inicia na prática do voluntariado é a comodidade. Isso ocorre porque a partir do momento que se propõe a realizá-lo é necessário sair da sua zona de conforto e se deparar com situações bem diferentes do que estava acostumado anteriormente, convivendo mais ativamente com várias realidades. Porém, é nesse instante também que o impacto começa. 

O voluntariado é um ótimo caminho para testar e sair dos seus limites. Com ele ocorre o contato com a diversidade, podendo ser transformado por ela, além do aprendizado de novas habilidades e a sua contribuição com características próprias, que podem ser fundamentais para a levar conforto a alguém ou a um grupo de pessoas que necessita de atenção.

Outro desafio enfrentado é o trabalho com poucos recursos. Mesmo sabendo que pequenas ações assumem papéis tão importantes nesse meio, ainda necessita-se de recursos financeiros para realizá-las. Por exemplo, instituições que abrigam pessoas com necessidades especiais sobrevivem de doações ou ONG’s que realizam ações sociais com crianças também precisam de doações. Por isso, esse é um desafio diário para que as organizações continuem atuando ativamente na inovação da qualidade das relações sociais.

E qual o impacto disso? Está totalmente relacionado às ações a serem desenvolvidas e a maneira que provocará consequências aos que mais serão beneficiados. Outro ponto é entender que conseguiu fazer grande diferença na vida de muitas pessoas, visto que a solidariedade, muitas vezes, está difícil de ser encontrada.

Mais um desafio é o fortalecimento no mercado. Muitas instituições não conseguem parcerias, que é algo muito importante para esse setor, e, infelizmente, não conseguem realizar o trabalho que desejavam. Para este o impacto está relacionado ao apoio que as OTS deveriam sempre receber e a possibilidade de não conseguir atender quem mais necessita.

Por fim, os ganhos com o voluntariado são...

Em primeiro lugar é a empatia e a dedicação ao próximo, seja ele um ser humano, a natureza ou os animais. A partir do momento que a solidariedade acontece e sente como a vida foi impactada, consegue entender a importância das relações sociais e a busca por um mundo mais humano. 

O trabalho voluntário é um caminho em que o esforço é convertido em retribuição e o aprendizado é constante, transformando as suas percepções sobre o mundo. Além disso, auxilia os cidadãos a construírem resiliência, desenvolverem seus sensos de responsabilidade com suas comunidades, fortalecendo ações coletivas em prol de uma causa, fazendo com que os interesses de toda a comunidade possam ser defendidos e realizados.

De maneira geral, ser um voluntário é viver uma experiência única, desempenhando atividades que vão impactar positivamente muitas causas e provocar a mudança necessária. É uma grande chance de expandir horizontes e transformar a sociedade.

Agora, eu te pergunto: 

Você perderia a oportunidade de fazer do mundo um lugar melhor?

Lembre-se que:

Quando você deseja o bem, o bem te deseja também!